PROCURO OS DESCENDENTES (netos, bisnetos e tataranetos) DE “PAI JANUÁRIO” E DE “MÃE SANTANA”, OS PARENTES DO REI DO BAIÃO!!!

image

MEU TWITTER: @FabiomotaDa

NA CABANA DO REI
NA CABANA DO REI
(Jaime Florence e Catulo de Paula)

Fui feliz nos dias que passei
Na cabana do rei
Dormi, sonhei
Ao som da melodia da rãs
Da cabana do rei

Juro que gostei
Dos banhos que tomei no lago
Da cabana do rei
Se Deus permitir
Pro ano aqui estarei, outra vez
Na cabana do rei

Os seus pombos arrulham em choro
E os sapos respondem em coro
Nosso lua é sabido que eu sei
Faz amigos e une corações
Em murmúrios e doces canções
Voltarei à cabana do rei
78 RPM V802300a 1961

ASSISTA A MISSA QUE FOI CELEBRADA NO PARQUE AZA BRANCA EM EXÚ!! A Missa do Centenário de Luiz Gonzaga em Exu no ano 2012, você acompanha completa neste endereço eletrônico: https://youtu.be/0LIE_jCx9VA

ACESSEM A RÁDIO GONZAGÃO: http://radiogonzagao.com.br/

EVANGELHO DO DIA:  http://www.paulinas.org.br/diafeliz/evangelho.aspx

PAI JANUÁRIO E MÃE SANTANA e seus filhos
IPC: Última apresentação de Chiquinha Gonzaga em Exú no VIVA GONZAGÃO  de 2009. Eu vi esse momento lindo. CONFIRA VOCÊ!!!! http://www.youtube.com/watch?v=YXOtknMnh80

“Família Januário”PAIS DO REI DO BAIÃO!!! http://www.alepe.pe.gov.br/downloads/Tribuna/201211.pdf

Queridos fãs de Luiz Gonzaga em todo o Brasil…

Estou para pedir a colaboração de todos vocês. Gostaria de manter contatos com todos os parentes e sobrinhos de LUIZ GONZAGA. Penso em fazer a “Árvore Genealógica de Pai Januário e de Mãe Santana”.

Queria pedir a contribuição de todos vocês. Eis os filhos de Pai Januário e de Mãe Santana:

* JOÃO JANUÁRIO (JOCA) : *17/09/1910 e +11/09/1947.   Morreu em São Paulo/SP e deixou dois (02) filhos e adotou uma (01) filha.

* LUIZ GONZAGA: *13/12/1912 e +02/08/1989. Morreu em Recife/PE e deixou dois (02) filhos.

* EFIGÊNIA BATISTA (GENI): *15/04/1915 e +23/04/2003.  Morreu no Rio de Janeiro/RJ e não teve filhos, mas criou dois (02) filhos.

* SEVERINO JANUÁRIO (SEVERINO JANUÁRIO): *04/10/1918 e +02/07/1988. Morreu no Crato/CE e deixou seis (06) filhos.

* JOSÉ JANUÁRIO (ZÉ GONZAGA): *15/01/1921 e +12/04/2002. Morreu no Rio de Janeiro/RJ e deixou um (01) filho que reside no Rio.

* RAIMUNDA JANUÁRIO (DONA MUNIZ): *25/06/1923 e +22/02/2011. Morreu no Rio de Janeiro/RJ e deixou seis (06) filhos.

* FRANCISCA JANUÁRIO (CHIQUINHA GONZAGA): *11/12/1925 e +15/03/2011. Morreu no Rio de Janeiro/RJ e deixou três (03) filhos e adotou dois (02) filhos.

* MARIA DO SOCORRO (DONA SOCORRO): *15/08/1927 e +02/12/1994. Morreu no Rio de Janeiro/RJ e deixou quatro (04) filhos.

* ALOÍSIO JANUÁRIO (ALOÍSIO): *13/05/1934. e +23/03/1985. Morreu no Rio de Janeiro/RJ e deixou três (03) filhos.

COMO VOCÊS PODERÃO ME AJUDAR? É COLETANDO OS NOMES DE CADA UM (Com endereço residencial, e-mail e telefones) PARA QUE EU POSSA ME CORRESPONDER COM ELES,

SE POR VENTURA ALGUM DOS NETOS DE “PAI JANUÁRIO” E “MÃE SANTANA” LER ESSA POSTAGEM TENHA INTERESSE DE ME AJUDAR, BEM COMO, QUALQUER UM FÃ DO REI DO BAIÃO.

IPC: TIVE CONTATOS DIRETO E SEMPRE COM FILHOS DE DONA MUNIZ E DE CHIQUINHA GONZAGA.

Meus contatos: Pe FÁBIO MOTA

Logradouro: Av. Manoel Marques, s/n
Bairro: Centro
Localidade / UF: Jijoca de Jericoacoara/CE
CEP: 62598-000

E-mail: fabiomota1977@hotmail.com

NA CABANA DE GONZAGÃO 02: http://blog.comunidades.net/fabiogonzaga/

NO FACEBOOK: http://www.facebook.com/#!/profile.php?id=1716628272

Pe Fábio Mota

Publicado em Não categorizado | 13 Comentários

CENTENÁRIO DE ZÉ GONZAGA: JOSÉ JANUÁRIO, SEGUNDO SEUS SOBRINHOS E AMIGOS!

No dia 15 de janeiro de 1921 nascia José Januário, o quinto filho de Seu Januário e de Dona Santana, na Fazenda da Caiçara em Exu. A exemplo do pai na vida adulta se tornou um excelente sanfoneiro dos 08 Baixos aos 120 Baixos. Mais ou menos em 1942 foi embora para o Rio de Janeiro a procura de seu irmão Luiz Gonzaga, o futuro Rei do Baião. Seus sobrinhos nos contam um pouco que era seu tio:

Segundo Piloto, seu sobrinho, Zé Gonzaga casou-se em 1951  com Alaide convivendo até 1959. Era uma pessoa alegre, de grandes habilidades e grande sanfoneiro. Um grande sanfoneiro de 08 Baixos. Ele mexia e consertava 08 Baixos e eletrificava também. Ele morava sozinho na rua Maria da Graça. Era uma pessoa alegre. O ambiente e, que Zé Gonzaga chegava sempre tinha muita alegria. Nossa infância foi convivendo com Zé Gonzaga e seus amigos artistas, dentre eles Noca do Acordeom, Zé Calixto, Pedro Sertanejo.

Segundo Rosa Helena, sua sobrinha, Zé Gonzaga era uma pessoa amorosa com os familiares. Não passava um domingo sem vir aqui vê as irmãs. Ele gostava muito das quatro irmãs. Era daquele jeito brincalhão mas tinha um grande chamego com as irmãs e com os sobrinhos também. Ele gostava  de vir aqui todos domingos fazer um forró na varanda da casa antiga de minha tia Chiquinha Gonzaga. Era um festival de forró. Ele sempre trazia sanfoneiros amigos dele, dentre eles Xinoca, e com isso era nossa infância e nossa juventude. Ele gostava de participar de todas as comemorações e casamentos dos sobrinhos e tocava. Ele não veio para a comemoração de Bodas de Ouro de minha mãe. Todo mundo estranhou. Aí depois descobrimos que ele estava doente. Ele não queria preocupar a gente. Mas era um tio legal, animado. Era uma alegria quando ele chegava aqui. Quando ele chegava aí fazia a fila para tomar a benção a ele. Era um barato. Nossa! Tenho muitas saudades dessas épocas.

Segundo Joquinha Gonzaga, seu sobrinho e sanfoneiro, Zé Gonzaga era meu padrinho de batismo. Esse 08 Baixos que tenho aqui é o 08 Baixos que ele deixou e tenho até hoje. E era uma pessoa que me ensinou muito e gostava de vê eu tocar, me admirava muito, me incentivava muito. E muitos anos eu toquei muitos anos no programa dele na Rádio Tupi no final  da década de 60 e 70 e eu era zabumbeiro. Era um programa que ele apresentava todos os domingos e a gravação era nas quartas-feiras. Era uma hora de programa. Eu tocava zabumba, Sérgio no triângulo e ele na sanfona. E a gente ganhava um cachêzinho e ficava feliz. Era da propaganda da Alcatrão São João da Barra e Praianinha. Ele sempre todo final de semana estava no Sítio. Todo domingo duas horas da tarde, ele arrumava o som dele e os instrumentos. A gente tocava a tarde toda e ele era o último a tocar. As nove horas da noite ele tocava para acabar com a festa. Depois ele botava todo mundo para ir embora. Vão seu corno. E todo domingo ele tava lá.. Era na varanda da Chiquinha Gonzaga. Ele não admitia ninguém tocava depois dele. Ele contava muita história, as histórias do sertão. Ele não concordava com a forma dos padrões tratarem os filhos dos moradores. Ele foi um grande artista. Eu considero um grande artista, mas tio Zé se acomodou. Ele tocava naquele trecho Rio, São Paulo, Minas e Espírito Santo. Gravou muitos anos na gravadora Copacabana. Tem muitas hóstias de Zé Gonzaga.

Segundo Tacyo Carvalho, grande amigo da família e que morou na casa de Chiquinha Gonzaga convivendo de perto com os Gonzagas, hoje músico nos enriquece com seu depoimento: Sinto-me honrado em ter convivido na casa dos Gonzagas no Rio de Janeiro, de forma confortável, ressalto nesse momento, depoimentos sabre alguns personagens dessa família na qual fiz parte e tenho o maior respeito, admiração e carisma. Família grande e alegre, família de palavras próximas.  Demostravam por mim,  muito carinho e atenção. Ainda jovem, fui bastante orientado por eles, morei na casa de Chiquinha Gonzaga, lá o  sistema era bruto. Ela dizia que a casa dela não era moita de cachorro mijar.
Padre Fábio Mota, grande defensor da cultura Gonzaguiana, solicitou que eu fizesse um depoimento sobre Ze Gonzaga. Promover o centenário de Zé, é realmente uma gloria na vida de qualquer artista, principalmente ele, que era sem duvidas um talento exemplar. São muitas historias vividas e convividas entre (Ele, Eu e Zuca), tocar triangulo que era meu instrumento, existia também outros que dividiam comigo, o (Val ou Daniel). Veja! São muitas momentos bastante significativos até a data de hoje.
Na madrugada dia 2 de Agosto de 89, tínhamos passado uma noite muita desconfortável, existia uma expectativa, angustia e sofrimento, a parti do dia que Luiz Gonzaga foi internado no Recife, o sitio virou um drama, as irmãs de Luiz sempre foram muito ligadas a ele, e todas moravam em Santa Cruz da Serra. Todos se preocupavam com a saúde delas, tomavam algumas medicações, como remédio de pressão. Nessa na madrugada, bateram no portão, do muro e eu fui atender, pela a voz já sabia que era Zé, e fomos entrando ele estava nervoso, com uma boina portuguesa que tinha e usava na cabeça, camisa pendurada no ombro, Aparecida abriu a porta e Chiquinha aproximou-se perguntando : O que ouvi José!? Zé assim respondeu, o nego Gonzaga morreu, no mesmo momento, ela desmaiou, ficamos tentando acordar, deu um trabalho danado para consolar todas elas. Momento difícil esse, parecia um pesadelo, ficamos imaginando como iriamos passar a noticias para as outras famílias, enfim marcou muita aquele momento delicado e doloroso para Zé Gonzaga e consequentemente para todos os parentes próximos e amigos.
Agradeço a todos os admiradores da obra referente à família Gonzaga, deixo também o meu carinho e gratidão ao Padre Fábio Mota, esse Cearense apaixonado pelo forró.
Abraço fraterno de Tacyo Carvalho

Passados 100 anos de seu nascimento, como fã e admirador dessa família tão especial para o Brasil, gostaria de registrar seu Centenário com depoimentos com pessoas que conviveram direto com o nosso querido REI DA ALEGRIA.
VIVA A FAMÍLIA JANUÁRIO E VIVA NOSSO QUERIDO ZÉ GONZAGA!!!

Fonte:
Piloto Gonzaga: https://youtu.be/KEWXEMINSmU
Rosa Helena: depoimento enviado em áudio
Joquinha Gonzaga: depoimento enviado em áudio
Tacyo Carvalho : depoimento enviado por e-mail.

Publicado em Não categorizado | 4 Comentários

VIVA GONZAGÃO 2020, É CANCELADO EM EXÚ, DEVIDO PANDEMIA DA COVID 19!

Nesse mês de dezembro de 2020 não iremos à Exu para cantarmos parabéns para nosso querido Rei do Baião. Faremos as homenagens ao nosso “Asa Branca da Paz” através de nossas redes sociais.

Publicado em Não categorizado | Deixe um comentário

EXU CELEBRA OS 31 ANOS DE SAUDADES DE SEU FILHO ILUSTRE, O REI DO BAIÃO!

EXU CELEBRA OS 31 ANOS DE SAUDADES DE SEU FILHO ILUSTRE, O REI DO BAIÃO!

Passeio pelo PARQUE AZA BRANCA com Joquinha Gonzaga!

A Santa Missa da saudade!

SHOW DA SAUDADE com Serginho, Flavio Leandro, Fulor de Mandacaru, Maria Lafaete e Joquinha Gonzaga! Gonzagão vive.

Ele continua vivo! Belíssima festa para Gonzagão em Exu através dessa live.

Obrigado à FAMÍLIA JANUÁRIO por seu compromisso de dignidade para o Brasil através da música!

Publicado em Não categorizado | 1 Comentário

DISCOS DO REI DO BAIÃO QUE FORAM LANÇADOS HÁ 70 ANOS

DISCOS DO REI DO BAIÃO QUE FORAM LANÇADOS HÁ 70 ANOS

DISCOS EM ROTAÇÃO 78 RPM no ano de 1950

1. Disco 800658 – A Dança da moda e Respeita Januário
2. Disco 800681 – Assum preto e Cintura fina
3. Disco 800695 – Chofer de praça e No Ceará não tem disso não
4. Disco 800699 – Xanduzinha e A volta da Asa Branca
5. Disco 800717 – Macapá e Boiadeiro
6. Disco 800739 – Adeus Rio de Janeiro e Rei Bantu
7. Disco 800744 – O torrado e Estrada de Canindé
8. Discos 34748 – Vira e mexe e Qui nem jiló

Nosso Rei do Baião continua vivo na memória do povo brasileiro. Suas músicas continuam  na atualidade dando a sua mensagem.

 

70 anos de sucessos! http://www.nacabanadegonzagao.com.br

Publicado em Não categorizado | 2 Comentários

VAMOS A EXÚ? Ao Viva Gonzagão 2019!

Exu, mais uma vez, abre seus braços para acolher os fãs de Gonzagão vindos do Brasil inteiro para comomorar os 107 anos de nosso querido REI DO BAIÃO!

Boa festa para todos!

Publicado em Não categorizado | Deixe um comentário

FESTIVAL CANTA GONZAGÃO EM EXU!

FESTIVAL DE MÚSICA EM EXU CELEBRARÁ QUATRO GERAÇÕES DE MÚSICOS DA FAMÍLIA GONZAGA!
Evento acontecerá no Parque Aza Branca nos dias 24 e 25 de janeiro de 2020

Tendo como objetivo abrir importante espaço aos músicos, compositores e intérpretes da música popular brasileira no gênero forró e seus derivados estão abertas no período de 25 de outubro a 15 de dezembro de 2019 as inscrições para o primeiro FESTIVAL CANTA GONZAGÃO.

O evento, que conta com incentivo do Funcultura, Fundarpe, Secretaria de Cultura e Governo do estado de Pernambuco acontecerá no Parque Aza Branca com programação totalmente gratuita, com ações formativas, palestras e trazendo atrações do cenário da música independente nacional. Os artistas devem inscrever seus trabalhos exclusivamente pelo site: festivalcantagonzagao.com.

Entre os documentos exigidos para a inscrição estão: ficha de inscrição preenchida, cópias do RG e CPF e comprovante de endereço dos candidatos, além de gravação da música que entrará na disputa. Poderão se inscrever no Festival quaisquer compositores, desde que residentes em território nacional. Cada candidato pode fazer mais de uma inscrição e somente músicas inéditas serão habilitadas a concorrer.

O material e documentos dos inscritos serão analisados por uma comissão julgadora, na primeira fase da seleção. Serão levados em consideração a originalidade da música, a criatividade da letra, a melodia e a harmonia. Após essa etapa, 20 canções serão escolhidas para participar da fase eliminatórias. Dessas 20 músicas os julgadores escolheram 10 músicas para a final e dessas somente três serão premiadas. O primeiro lugar receberá R$ 2.500,00 + Troféu Luiz Gonzaga; o 2º – Lugar: R$ 2.000,00 + Troféu Gonzaguinha e o 3º – Lugar: R$ 1.000,00 + Troféu Vovô Januário.
Para o cantor e compositor carioca Daniel Gonzaga que estará no Parque Aza Branca em Exu para ser homenageado e acompanhar pessoalmente as homenagens ao seu bisavô, ao avô e ao pai Gonzaguinha a realização do FESTIVAL CANTA GONZAGÃO é sobretudo o reconhecimento a uma família que contribuiu muito para a diversidade e o enriquecimento da Música Popular Brasileira.

Outras informações com o Produtor Cultural Francisco Robério Saraiva Fontes (Bibi Saraiva) através do e-mail: festivalcantagonzagao@gmail.com ou pelo WhatsApp (87) 99824 9325.

FONTE: Redação e ilustração fotográfica de nosso amigo e Exuense Bibi Saraiva.

http://www.nacabanadegonzagao.com.br

Publicado em Não categorizado | Deixe um comentário

101 ANOS DE SEVERINO JANUÁRIO, IRMÃO DO REI DO BAIÃO!

No dia 04 de outubro de 1918, nascia quarto filho de “Pai Januário ” e de “Mãe Santana”, Severino Januário dos Santos. Seguiu sua carreira musical sendo fiel à seu pai, Seu Januário, tocando o “Fole de Oito Baixos” preservando o legítimo forró Pé de Serra.

Cantemos PARABÉNS para Severino Januário nos seus 101 anos de nascimento. Façamos justiça à FAMÍLIA JANUÁRIO comprometida com a Cultura Brasileira!

wwww.nacabanadegonzagao.com.br

Publicado em Não categorizado | Deixe um comentário

74 anos de nosso MOLEQUE GONZAGUINHA!

No dia 22 de setembro de 1945 nascia nosso Moleque Gonzaguinha. Nascido na Cidade do Rio de Janeiro, filho de Odaleia e Luiz Gonzaga. Grande poeta. Se fosse vivo fisicamente estaria completando 74 anos, mas continua vivo em sua “arte musical”

Foto sem data
Gonzaguinha com o pai, Luiz Gonzaga.

PARABENS PARA NOSSO MOLEQUE! VIVA GONZAGUINHA!

Publicado em Não categorizado | Deixe um comentário

VIVA EXU, 112 ANOS DE HISTÓRIA!

No dia 08 de setembro de 1907 foi criado o Município de Exu, mais conhcido por Novo Exu. Hoje agradecemos a Deus por vários de seus filhos terem contribuído com a História do Brasil. Que nossa Exu continue bela e acolhedora.

Como Cidadão Exuense agradeço à Exu e seus habitantes por terem me acolhido como filho e escrever meu nome nos anais deste “Municipio”.

Que o “Filho Ilustre de Exu” seja inscrito no Livro dos Heróis da Pátria. VIVA EXU! VIVA GONZAGÃO! VIVA A CULTURA!

Publicado em Não categorizado | 1 Comentário

BORA FESTEJAR SENHOR SÃO JOÃO? 151 anos de São João Batista do Araripe!

Nos 151 anos da Capela de São João Batista do Araripe terei a “Graça” de fazer a abertura de sua festa! Bora…. http://www.nacabanadegonzagao.com.br

Publicado em Não categorizado | Deixe um comentário